Acessibilidade

Moradores da Aparecida recebem sensibilização sobre obras de saneamento do Prosamim

As obras de rede de esgoto executadas pelo Programa Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim) nos bairros São Raimundo, Aparecida e Centro, localizados na zona oeste e sul, estão com mais de 90% de conclusão e visam garantir uma expressiva cobertura de rede de saneamento na capital. E devido à intensidade das obras na região, as equipes de assistentes sociais do Prosamim estão visitando, nesta semana, os moradores em suas residências para explicar os objetivos das obras e esclarecer dúvidas.

A rede de esgoto, que está sendo construída pelo Governo do Estado, por meio da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), conta com mais de 24 quilômetros de extensão. Desse total, já foram concluídos mais de 21 quilômetros de implantação de redes.

As obras vão trazer melhorias na área de saneamento dos bairros do Centro, Presidente Vargas, Aparecida, Glória, Santo Antônio, São Raimundo e Educandos, que vão passar a ter uma melhor coleta de esgoto, assim como o tratamento de resíduos antes de serem devolvidos ao rio Negro.

Visitas – A equipe envolvida na mobilização deve visitar mais de 150 residências nos bairros onde estão sendo construídas as redes de esgoto. A sensibilização traz uma série de informações sobre as obras de saneamento básico que estão sendo construídas na Bacia do Igarapé do São Raimundo e a importância de que os moradores interliguem suas residências à rede de esgoto, para que o esgoto das residências passe pelo tratamento adequado antes de serem despejados nos rios.

“Para que a revitalização dos igarapés, que passaram por intervenção do Prosamim, seja de fato duradoura e permanente, é necessária a sensibilização da população e a adesão das ligações na rede, pois somente dessa maneira diminuiremos o envio de esgoto sem tratamento aos nossos igarapés e rios,” afirmou coordenador executivo da UGPE, Marcellus Campêlo.

Construção – As obras de saneamento executadas pelo Prosamim compreendem a construção de 24 km de rede de esgoto. Após a conclusão, essa rede vai levar os resíduos das residências para as seis estações elevatórias que estão sendo construídas nos bairros Aparecida e São Raimundo. Essas elevatórias são compostas por um moderno sistema de bombas e irão enviar o esgoto provenientes das residências até à estação de tratamento de esgoto que está sendo construída no bairro do Educandos.

A assistente social e coordenadora do Parque São Raimundo, Lyllian Barroso, afirma que a mobilização é composta por técnicos do Prosamim e do setor de responsabilidade social da construtora que está executando as obras. “A mobilização consiste em orientar os moradores sobre as obras do sistema de esgoto que está sendo implantada pelas ruas do bairro, assim como a importância das ligações intradomiciliares para o perfeito funcionamento do sistema de saneamento básico, pois a continuidade do processo de revitalização do igarapé da bacia do São Raimundo necessita que as residências estejam interligadas à rede de esgoto e não à rede de drenagem que despeja o esgoto no igarapé sem o devido tratamento”, afirmou a assistente social.

FOTOS: TIAGO CORRÊA/SRMM

CONTATOS: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra): Alessandro Bandeira (99119-5792), Eduardo Silva (98130-3990) e Midiã Viana (99289-7724).