Acessibilidade

Prosamim recebe visita de equipe do Pará para conhecer o projeto

Prosamim recebe visita de equipe do Pará para conhecer o projeto

 

Uma equipe da Prefeitura Municipal de Parauapebas, município pertencente ao estado do Pará, distante 700km da capital Belém, esteve em Manaus entre os dias 15 e 17 de abril, a fim de estudar e conhecer o Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim).

 

A iniciativa de conhecer o Programa surgiu, após a viagem de uma comitiva da Prefeitura Municipal de Parauapebas a Brasília, para um encontro com a engenheira especialista do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Claudia Nery. A equipe busca recursos e informações para a implantação Projeto de Saneamento Ambiental, Macrodrenagem e Recuperação de Igarapés e Margens do Rio Parauapebas (PROSAP).

 

A comitiva técnica do PROSAP foi recomendada a conhecer o projeto do Prosamim pelos técnicos e engenheiros do BID que, após observarem características similares nos dois projetos, informaram que o Prosamim é referência internacional em projetos de saneamento e de revitalização de áreas de várzea alagadiças.

 

A subcoordenadora do PROSAP e assistente social, Eulália Almeida da Silva, afirma que a intenção foi conhecer profundamente o Prosamim assim como todos os passivos positivos e negativos que foram observados na execução do projeto, buscando analisar a realidade observada dentro do projeto e suas similaridades com o PROSAP e utilizando essa troca de experiência de forma positiva na execução do mesmo. “O Prosamim é referência nacional e internacional em programas de saneamento” afirmou Eulália Almeida da Silva.

 

Trabalho Social – A subcoordenadora do PROSAP afirmou que está impressionada com o projeto e que o Prosamim é muito além de engenharia e construções de moradias. Para Eulália trata-se de um trabalho em grupo, que envolve o social, a engenharia, o ambiental e principalmente a comunidade, pois, segundo ela, é imprescindível que a comunidade esteja inserida no projeto, se sentindo participante de todo o processo de construção e manutenção.

 

A subcoordenadora social do Prosamim, Viviane Dutra, menciona que a equipe do PROSAP se deslocou até Manaus essa semana para obter informações sobre como transcorreu a implantação do Programa e, principalmente, sobre a consolidação do plano especifico de reassentamento, tendo em vista que as características regionais, do Amazonas e Pará, são semelhantes e ambos os projetos contemplam construções e revitalização de áreas de igarapés.

 

Referência Internacional – O Prosamim foi criado em 2003 com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos habitantes das áreas do entorno das bacias que banham a capital amazonense.

 

O propósito do Programa é ajudar na solução dos problemas ambientais, urbanísticos e sociais que afetam a cidade de Manaus e seus habitantes, especificamente aqueles que vivem abaixo da cota 30 metros de inundação, tomando como referência o nível do Rio Negro, no Porto de Manaus.

 

Os objetivos específicos do Programa inclui a melhoria das condições ambientais, de moradia e de saúde da população na área de intervenção do Programa a partir da recuperação e ou implantação de sistemas de drenagem, abastecimento de água, redes de esgotamento sanitário, coleta e disposição final de lixo.

 

O Programa também inclui a recuperação ambiental das bacias dos igarapés, planejamento urbano, regularização de propriedades, construção de moradias adequadas, implantação de áreas de lazer, continuação do fortalecimento das instituições participantes e capacitação das comunidades atendidas. Tudo isto para assegurar que as intervenções realizadas sejam sustentáveis.